FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Hipertensão arterial sistêmica na comunidade quilombola de Tijuaçu, Bahia: plano de orientação e prevenção
A Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) é uma das mais frequentes doenças cardiovasculares, sendo assim, necessita de constantes ações de prevenção e acompanhamento especialmente na Atenção Básica em Saúde. O objetivo desse trabalho é viabilizar e aperfeiçoar as ações de supervisão, orientação e prevenção da Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) em uma comunidade quilombola, no distrito da cidade de Senhor do Bonfim, Bahia. Nesse sentido, visa-se elaborar e iniciar um plano de ação e intervenção que identifique as principais causas da não adesão ao tratamento e indique ações que melhorem a qualidade de vida dos pacientes diagnosticados com HAS, de forma integrada e multidisciplinar.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/10544
12/Jun/2018

  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Cardiovasculares (C14)
  • Doenças Vasculares (C14.907)

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Administração de Serviços de Saúde (N04)
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde (N05)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • VIGILÂNCIA SANITÁRIA (VS)
  • Vigilância Sanitária de Serviços de Saúde (VS3)

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Administração de Serviços de Saúde (N04)
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590)
  • Assistência Integral à Saúde (N04.590.233)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Níveis de Atenção à Saúde (SP2.001)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Assistência à Saúde (SP2.016)
  • Assistência Integral à Saúde (SP2.016.122)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Saúde Ambiental (SP4)
  • Serviços de Saúde (SP4.002)