FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Segunda Opinião Formativa: qual o tratamento para escabiose (sarna)?
A permetrina 5% tópica é o tratamento de primeira escolha para tratar escabiose. Deve-se aplicar a loção do pescoço para baixo, incluindo palmas das mãos e plantas dos pés, regiões interdigitais, periumbilical, genital e áreas sob as unhas. Faz-se a remoção do produto, no banho, 8 a 14 horas após a aplicação. Uma segunda aplicação, uma a duas semanas depois, pode ser necessária, sendo mais efetiva. Em crianças menores de 2 anos, em idosos e em imunodeprimidos deve incluir-se o couro cabeludo, face (não aplicar na região periocular e perilabial), pescoço e orelhas. O sucesso do tratamento é visto com a resolução das lesões e a cessação do prurido noturno em torno de uma semana. Prurido residual pode permanecer por 2 a 4 semanas após o tratamento.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/13657
23/Jul/2019
2019-07-01

  • DOENÇAS (C)
  • Infecções (C01)
  • Doenças Parasitárias (C01.610)
  • DOENÇAS (C)
  • Doenças da Pele e do Tecido Conjuntivo (C17)
  • Dermatopatias (C17.800)
  • Dermatopatias Infecciosas (C17.800.838)

  • DOENÇAS (C)
  • Infecções (C01)
  • Doenças Parasitárias (C01.610)
  • Dermatopatias Parasitárias (C01.610.858)
  • Ectoparasitoses (C01.610.858.211)
  • Infestações por Ácaros (C01.610.858.211.480)
  • DOENÇAS (C)
  • Doenças da Pele e do Tecido Conjuntivo (C17)
  • Dermatopatias (C17.800)
  • Dermatopatias Infecciosas (C17.800.838)
  • Dermatopatias Parasitárias (C17.800.838.775)