FICHA TÉCNICA DO RECURSO

INTERVENÇÃO EM SAÚDE PARA AUMENTAR A ADESÃO AO TRATAMENTO E REDUZIR AS COMPLICAÇÕES CARDIOVASCULARES ENTRE OS HIPERTENSOS DA ÁREA ADSCRITA A ESF
Introdução: A hipertensão arterial sistêmica é uma das doenças de alta prevalência na população e considerada como um dos principais problemas de saúde. É uma doença crônica, sendo a principal causa das doenças cardiovasculares. Objetivos: Construir um projeto de intervenção para aumentar a adesão ao tratamento da hipertensão; Identificar os fatores de risco que incidem para as complicações decorrentes da HAS entre os hipertensos; Aplicar atividades educativas na reunião do hiperdia com o uso da educação em saúde para incentivar os hipertensos á realizar mudanças nos hábitos não-saudáveis; Reduzir as complicações cardiovasculares entre os hipertensos e o descontrole da HAS. Plano Operativo: Realizar ações para mudar o estilo de vida da população atentando para os riscos de alguns comportamentos que favorecem o surgimento da hipertensão o seu descontrole e agravos; Fazendo uso da educação em saúde serão implantadas atividades educativas sob a forma de roda de conversas, palestras, apresentação de slide, buscando alcançar os objetivos do plano operativo, prazo de seis meses para execução, responsáveis pelas ações ESF (médico, enfermeira, técnicos em enfermagem, ACS).Conclusão: Através da implantação e execução deste plano operativo espera-se o aumento na adesão ao tratamento e em longo prazo será impactado nos índices em saúde a redução de agravos/complicações cardiovasculares entre os usuários da área adstrita a ESF do Municipio de Piripiri-PI
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/13813
25/Sep/2019
  • Hipertensão
  • Educação em Saúde