FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Eventos agudos em situações clínicas: cefaleia
(dc.identifier.uri)
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/13960
(dc.title)
Eventos agudos em situações clínicas: cefaleia
(dc.contributor.author)
Freitas, Fernanda Lazzari
(dc.contributor.author)
Freitas, Tanise Gonçalves de
(dc.language.iso)
pt_BR
(dc.description.abstract)
Nesta unidade, vamos discutir aspectos essenciais para uma abordagem integral às pessoas com cefaleia no âmbito da Atenção Básica. A cefaleia é um dos motivos mais frequentes de procura à Unidade de Saúde e integra a rotina das equipes de saúde, seja na forma de demanda espontânea ou em consultas programadas. Embora o atendimento médico, com consequente prescrição de analgésicos para o alívio da dor, seja o objetivo fim do usuário que busca o serviço em virtude de uma cefaleia, é importante que toda a equipe de saúde esteja preparada para abordar este sintoma, especialmente no que toca ao reconhecimento dos sinais de alerta ou de risco imediato para o indivíduo, que indiquem a necessidade de referência aos outros níveis de atenção da rede. Neste conteúdo, a ênfase é dada ao manejo das situações de demanda espontânea e no atendimento sequencial dos indivíduos que buscam o serviço de saúde com relato de cefaleia aguda.
(dc.subject.keyword)
Manejo da cefaleia
(dc.subject.decs)
Cefaleia
(dc.location.country)
BRA
(dc.date.issued)
2014
(dc.mediator)
Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
(unasus.learningResourceType)
Texto
(dc.audience.occupation)
Médicos clínicos
(dc.audience.occupation)
Enfermeiros e afins
(dc.audience.occupation)
Cirurgiões-dentistas
(unasus.educationalDescription)
definir e classificar os diferentes tipos de cefaleia; realizar avaliação diagnóstica das situações de cefaleia; identificar os sinais de alerta ou gravidade frente a um caso de cefaleia aguda; realizar o diagnóstico diferencial de cefaleia; conhecer sinais de risco para os quadros de cefaleia aguda; realizar o manejo inicial dos casos de cefaleia que necessitarão de remoção ao serviço de urgência ou emergência; manejar ambulatorialmente os casos agudos mais comuns de cefaleia no âmbito da Atenção Básica; estruturar o atendimento sequencial na Atenção Básica para os quadros de cefaleia.
(dc.rights.holder)
Universidade Federal de Santa Catarina
(dc.rights.holder)
Ministério da Saúde
(dc.rights.type)
Termo de Cessão UNA-SUS
(dc.rights.license)
https://ares.unasus.gov.br/acervo/static/files/Termos%20de%20uso%20do%20ARES.pdf
(dc.subject.classification)
Atenção Primária / Saúde da Família
(dc.subject.classification)
Doenças Crônicas
(dc.subject.classification)
Promoção da Saúde
(dc.subject.classification)
Urgência e Emergência
(dc.date.accessioned)
2019-12-04T15:31:37Z
(dc.date.available)
2019-12-04T15:31:37Z
(dc.type)
Texto
(dc.contributor.technicalReviewer)
Amorim, Lílian Tânia
(dc.contributor.technicalReviewer)
Nitschke, Cesar Augusto Soares
(dc.date.created)
2014
(dc.format.description)
Arquivo em PDF contendo 31 páginas