FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Abordagem de dependentes de drogas na Atenção Primária
A abordagem de dependentes de drogas ilícitas e suas famílias é um grande desafio para Atenção Primária. Veremos qual o papel da atenção primária nessa abordagem e como podemos fazer uma abordagem da família e da pessoa dependente de drogas. Serão discutidos aspectos relacionados a atribuição da equipe de saúde, acolhimento ao usuário, abordagem familiar sistêmica e sintomas que levantam suspeita de dependência de drogas, dentro de uma perspectiva interdisciplinar.

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Instituições de Saúde, Recursos Humanos e Serviços (N02 )
  • CIÊNCIA E SAÚDE (SH )
  • Gestão de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (SH1 )
  • Recursos para a Pesquisa (SH1.030 )
  • Infraestrutura (SH1.030.010 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Direito Sanitário (SP9 )
  • VIGILÂNCIA SANITÁRIA (VS )
  • Vigilância Sanitária de Serviços de Saúde (VS3 )

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Administração de Serviços de Saúde (N04 )
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590 )
  • Assistência Integral à Saúde (N04.590.233 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Níveis de Atenção à Saúde (SP2.001 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Assistência Integral à Saúde (SP2.122 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • Serviços de Saúde (SP4.002 )
null
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/1689
12/Nov/2014