FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Melhora da Atenção á Saúde dos Usuários com HAS e/ou DM na UBS Pejuçara, Pejuçara/RS
Arianna Lovit . Melhoria da Atenção à Saúde dos usuários com HAS e/ou DM na UBS Pejuçara, Pejuçara/RS. 2016. 76f. (Especialização em Saúde da Família) - Departamento de Medicina Social, Faculdade de Medicina, Universidade Federal de Pelotas. Pelotas, 2016. O Ministério da Saúde apresenta os eixos de atenção à saúde para orientar os profissionais da Estratégia Saúde da Família e para que desta forma estabeleçam o cuidado a grupos prioritários. Dentre estes, destacam-se a Hipertensão Arterial Sistêmica (HAS) e o Diabetes Mellitus (DM) que além de ser um grave problema de saúde pública, são fatores de risco para diversas outras patologias. Este trabalho apresenta os resultados de uma intervenção realizada na Unidade de Saúde da Família (USF) Pejuçara. O objetivo foi ampliar a cobertura e melhorar a atenção à saúde das pessoas com HAS e/ou DM na UBS Pejuçara, Pejuçara/RS. Foram desenvolvidas ações em quatro eixos pedagógicos: monitoramento e avaliação; organização e gestão do serviço; engajamento público; qualificação da prática clínica. Os dados foram coletados a partir de uma ficha-espelho produzida para a intervenção e os indicadores digitados em uma planilha de coleta de dados. Participaram da intervenção 301 pessoas com HAS e 100 com DM e as ações foram desenvolvidas em três meses. Quanto à estruturação do serviço para o atendimento desses usuários, existe um protocolo para a atenção à pessoa com HAS e/ou DM e registro específico para este atendimento. A intervenção atingiu uma cobertura de 86,2% e 100%, respectivamente, para a atenção às pessoas com HAS e/ou DM. Em relação aos exames clínicos, 86,2% das pessoas com HAS e 100% das com DM tiveram seus exames em dia de acordo com o protocolo. Todos os usuários faltantes nas consultas receberam busca ativa, bem como o recebimento das orientações referentes à promoção da saúde. Além disso, a intervenção possibilitou a (re)organização do processo de trabalho da equipe, o fortalecimento do controle social, a qualificação da prática clínica dos profissionais bem como uma maior aproximação entre todos os atores envolvidos: gestores, profissionais e usuários. Os resultados refletem a significativa melhoria da qualidade do atendimento às pessoas com HAS e/ou DM na unidade de saúde em questão.

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Características da População (N01 )
  • Saúde (N01.400 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006 )

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Administração de Serviços de Saúde (N04 )
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590 )
  • Assistência Integral à Saúde (N04.590.233 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Níveis de Atenção à Saúde (SP2.001 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Assistência Integral à Saúde (SP2.122 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • Serviços de Saúde (SP4.002 )

  • DOENÇAS (C )
  • Condições Patológicas, Sinais e Sintomas (C23 )
  • Processos Patológicos (C23.550 )
  • Atributos de Doença (C23.550.291 )
  • HOMEOPATIA (HP )
  • Homeopatia (HP1 )
  • Filosofia Homeopática (HP1.007 )
  • Pacientes (HP1.007.262 )
  • Doença (HP1.007.262.808 )
  • HOMEOPATIA (HP )
  • Clínica Homeopática (HP2 )
  • Doença (HP2.029 )
  • HOMEOPATIA (HP )
  • Terapêutica Homeopática (HP3 )

  • DOENÇAS (C )
  • Doenças Nutricionais e Metabólicas (C18 )
  • Doenças Metabólicas (C18.452 )
  • Transtornos do Metabolismo de Glucose (C18.452.394 )
  • DOENÇAS (C )
  • Doenças do Sistema Endócrino (C19 )

  • DOENÇAS (C )
  • Doenças Cardiovasculares (C14 )
  • Doenças Vasculares (C14.907 )
Acesso aberto (leitura, impressão e download)
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/19777
21/Oct/2020