FICHA TÉCNICA DO RECURSO

VIOLÊNCIA CONTRA MULHER: DESAFIO DE ENFRENTAMENTO EM UMA UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE EM URUÇUÍ-PI
Este estudo buscou explanar o desafio de enfrentamento da violência contra mulher a partir da perspectiva de uma Unidade Básica de Saúde em Uruçuí-PI. Desta forma, por ser um tema bastante contemporâneo e que ganha visibilidade a cada dia, constitui um problema de saúde pública, provocando sérias consequências para vida das mulheres. Logo, este tema surgiu da necessidade de compreender a quantidade de casos notificados e compreender por que este tipo de violência ainda é bastante invisível pela equipe. Com isso, foi utilizada análise qualitativa com método de pesquisa bibliográfica e pesquisa de campo, em que procuramos relatar os olhares de diversos autores sobre a violência e os problemas das equipes para perceber e notificar os casos, utilizando livros, leis, artigos científicos para dar respaldo à construção do estudo. Conclui-se que é de suma importância informar e despertar o interesse da Atenção primária e da própria sociedade no que se refere aos casos que a Unidades Básicas de Saúde tem conhecimento acerca da violência contra mulher e relatar os desafios que contribuem para diagnosticar/notificar a violência numa unidade básica de saúde em Uruçuí-PI.

  • ANTROPOLOGIA, EDUCAÇÃO, SOCIOLOGIA E FENÔMENOS SOCIAIS (I )
  • Ciências Sociais (I01 )
  • Criminologia (I01.198 )
  • Crime (I01.198.240 )
  • ANTROPOLOGIA, EDUCAÇÃO, SOCIOLOGIA E FENÔMENOS SOCIAIS (I )
  • Ciências Sociais (I01 )
  • Sociologia (I01.880 )
  • Problemas Sociais (I01.880.735 )

  • DENOMINAÇÕES DE GRUPOS (M )
  • Pessoas (M01 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Estudos Populacionais em Saúde Pública (SP3 )
  • População (SP3.001 )
  • Pessoas (SP3.001.004 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • Ciências Sociais (SP4.127 )
  • Demografia (SP4.127.413 )
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/24120
13/Aug/2021