FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Parasitoses entre crianças de 0 a 10 no território da Unidade de Saúde centro de saúde de Monteirópolis, Monteirópolis, Alagoas
Introdução: As doenças parasitárias intestinais estão muito comuns entre os indivíduos de 0 a 10 anos cadastrados na Unidade de Saúde de Monteirópolis, Alagoas. Objetivo: Apresentar um projeto de intervenção sobre redução das parasitoses em indivíduos de 0 a 10 anos cadastrados na Unidade de Saúde de Monteirópolis, Alagoas. Justificativa/ problemática: Os sintomas mais comuns apresentados pelos usuários do território foram: dores de barriga, manchas no corpo, indisposições intestinais com diagnóstico laboratorial confirmado para parasitose. As condições precárias de vida da população adscrita relacionadas ao abastecimento de água (uso de poços modelo cacimba), higiene pessoal precária, de alimentos, e o contato direto dos pés, principalmente das crianças com a terra, tem favorecido a ocorrência de verminoses e parasitoses. Trata-se de uma pesquisa de intervenção, que se baseia no Método da Estimativa Rápida e Planejamento Estratégico Situacional com acesso a revisão de literatura em bibliotecas digitais como Scielo, UptoDate, Elsevier, Medline, Pubmed, com artigos que vão de 2000 a 2020 que tratam da temática.após uma solução plausível pela Covid-19, quando as ações coletivas estiverem liberadas, como também as visitas domiciliares puderem ser feitas com maior segurança, certamente essas ações propostas trarão grandes benefícios para a comunidade.

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Administração de Serviços de Saúde (N04 )
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590 )
  • Assistência Integral à Saúde (N04.590.233 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Níveis de Atenção à Saúde (SP2.001 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Atenção à Saúde (SP2 )
  • Assistência Integral à Saúde (SP2.122 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • Serviços de Saúde (SP4.002 )
Na qualidade de titular dos direitos autorais da obra citada, AUTORIZO o MINISTÉRIO DA SAÚDE⁄UNIVERSIDADE ABERTA DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (UNA-SUS) e a UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS (UFAL) a disponibilizar e distribuir a obra em acesso aberto, na íntegra, para fins não comerciais, para leitura, impressão e download, em caráter público e gratuito, sem ressarcimento dos direitos autorais, em repositórios digitais.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/24599
31/Mar/2022