FICHA TÉCNICA DO RECURSO

CRIAR MODELOS DE INTERVENÇÕES NO GRUPO DE HIPERDIA NA BUSCA EFETIVA DA QUALIDADE DOS ENCONTROS COM O CONTROLE DAS CIFRAS NA ESF 30 IZIDRO PEDROSO
Criar modelos de intervenções que sejam efetivos ao controle de hipertensão e a diabetes na comunidade, sendo estas duas doenças interligadas, com graves complicações que levam a morte. E sendo preveníveis com possibilidade de melhoria de qualidade de vida. Agir o quanto antes é a melhor forma de evitar maiores agravos. Muito se fez e se tem feito no controle e redução do impacto dos riscos, porém criar modelos de intervenções no grupo de hiperdia na busca efetiva da qualidade dos encontros com o controle das cifras na ESF 30 Izidro Pedroso foi o grande desafio para implantação deste Projeto de intervenção – PI. Um dos maiores desafios foi o de resgatar a confiança da comunidade e a motivação da equipe de trabalho, teve-se como objetivo desenvolver ações conjuntas com todos os membros da equipe e demais colaboradores, pacientes e familiares no que se refere a hipertensão e diabetes mellitus tipo 2 à respeito de suas causas e riscos, na busca de normalizar as cifras, com orientações preventivas, controle e constante melhoria da qualidade de vida da população, realizar avaliação detalhada dos níveis pressóricos e de glicemia, revisando tratamentos e seus hábitos e formas de vidas, que dificultavam suas estabilidades, melhoria do grau de conhecimento de todos, comunidade e equipe de trabalho, com relação as nossas realidades e aprendermos a criar estratégias de enfrentamento e reduzir os agravos, riscos e melhoria da qualidade de vida de cada um. Nem todos os objetivos foram alcançados, porém nos deu um caminho, confiança, autoestima, de provar que com a equipe unida junto com a comunidade participativa e conhecendo seus limites, podemos realizar muito mais pela frente. Seguir em frente, sempre.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/3378
25/Jun/2016

  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Cardiovasculares (C14)
  • Doenças Vasculares (C14.907)