FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Melhoria da Atenção à Saúde da Criança de Zero a 72 Meses na UBS/ESF Areias, Amarante/PI
FERRERA, Yaimara Nieves Lopez . Melhoria da atenção à saúde das crianças de zero a 72 meses na UBS/ESF Areias, Amarante/PI. 2016. 84f. Trabalho de Conclusão de Curso (Curso de Especialização em Saúde da Família) - Departamento de Medicina Social, Faculdade de Medicina, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2016. A infância é um período muito importante no desenvolvimento humano e alguns dos agravos que encontramos na vida adulta como a diabetes, hipertensão, obesidade, podem ter relação direta com a forma com que os hábitos e cuidados gerados na fase infantil foram encarados. Pensando nisso, com o intuito de garantir que a população de 0 a 72 meses de idade possa ter uma assistência qualificada, de acordo com o que propõe o Ministério da Saúde, elaboramos uma intervenção voltada para melhorias à assistência à saúde da criança na Unidade de Saúde da Família Areias, em Amarante/PI. Durante 12 semanas de intervenção realizamos um trabalho de divulgação e busca de crianças para atendimento de puericultura, visando aumento da cobertura e melhorias na organização do serviço e na qualidade da assistência prestada, buscando atingir as metas de qualidade propostas. Ao final 110 (100%) crianças participaram da intervenção. O projeto também foi voltado para melhorias na gestão do serviço, capacitação da equipe, engajamento público e monitoramento das ações, sendo que a maioria das ações foi realizada trazendo melhorias na organização do serviço, no trabalho em equipe e promovendo atendimento integral à criança. Os resultados demonstram que a qualidade da assistência melhorou, consideravelmente, assim como o método de trabalho, que possibilitou que fosse sistematizada uma forma de cadastramento e acompanhamento que monitorasse com mais rigor as crianças da área de abrangência. Enfim, acreditamos que a diminuição na mortalidade infantil nos últimos anos se deve ao fato de oferecer a toda criança brasileira o direito à vida e à saúde, isto ocorre graças à qualidade dos serviços oferecidos tanto para as gestantes quanto para as crianças desde o nascimento e este papel estamos desempenhando com primor.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/6903
20/Oct/2016

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Características da População (N01)
  • Saúde (N01.400)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Administração de Serviços de Saúde (N04)
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590)
  • Assistência Integral à Saúde (N04.590.233)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Níveis de Atenção à Saúde (SP2.001)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Assistência à Saúde (SP2.016)
  • Assistência Integral à Saúde (SP2.016.122)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Saúde Ambiental (SP4)
  • Serviços de Saúde (SP4.002)

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Características da População (N01)
  • Saúde (N01.400)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)
Puericultura

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Características da População (N01)
  • Saúde (N01.400)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)