Página de busca








Adicionar novo filtro:

488 RESULTADOS (11 a 20)
  • Carcereri, Daniela Lemos
    01/Oct/2012
    Este objeto começa indicando que, por ser tudo novidade, toda criança acaba ficando apreensiva na clínica odontológica, e por isso é preciso que o profissional desempenhe com cuidado o preparo psicológico da criança, além de mobilizar-se junto à equipe para evitar que a procura por consulta odontológica só ocorra por necessidade de intervenção. ...
  • Carcereri, Daniela Lemos
    01/Oct/2012
    O objeto coloca a importância do trabalho com grupos nas ações de saúde coletiva na ESF, justamente por possibilitar o diálogo, a troca de experiências e a construção de conhecimentos, inclusive sendo fundamental por desenvolver ações dirigidas a pais, cuidadores e familiares da criança, porém, mostra que a dificuldade é envolver a família nesse...
  • Carcereri, Daniela Lemos
    01/Oct/2012
    Este objeto começa introduzindo o conceito de que o trabalho integrado entre a equipe de saúde bucal e os agentes comunitários de saúde amplia a possibilidade do acesso das pessoas às ações de saúde bucal, pois tal parceria envolve o núcleo familiar com ações dirigidas aos problemas de saúde. Considera ainda que as ações de saúde bucal da crianç...
  • Reibnitz Júnior, Calvino
    18/Dec/2013
    O objeto inicia lembrando que a quantidade e a diversidade de pacientes com comprometimento sistêmico são muito grandes e não se pode limitar a atuação do dentista apenas a encaminhar este paciente a outro profissional, é preciso tratá-los restabelecendo a sua saúde bucal. Nesse contexto, propõe analisar o tratamento de paciente com doença cardi...
  • Reibnitz Júnior, Calvino
    18/Dec/2013
    Este objeto começa lembrando que, em odontologia, a realização de procedimentos clínicos pode exigir anestesia local, havendo uma série de produtos disponíveis, porém cada um com indicação a situações específicas. Ressalta que é preciso considerar o tipo de procedimento realizado e as condições sistêmicas apresentadas pelos pacientes. Salienta q...
  • Ramos, Flávia Regina Souza
    19/Dec/2013
    Este objeto começa abordando a importância do papel dos profissionais de saúde ao trabalhar com a população e menciona os direitos das crianças e dos adolescentes assegurados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente e a finalidade de promover e universalizar direitos do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente. Segue apresenta...
  • Reibnitz Júnior, Calvino
    18/Dec/2013
    Este objeto principia enfatizando que o câncer de boca é considerado um dos problemas de saúde pública de maior relevância porque a sua incidência vem aumentando. Lembra que é possível diminuir este quadro e uma das principais ações deve acontecer na atenção básica, durante o atendimento odontológico, através de um exame mais minucioso, buscando...
  • Moré, Carmen L. O. O.
    19/Dec/2013
    O objeto apresenta de início uma lista evidenciando vários aspectos a serem levados em conta quando da condução de um grupo, todos independentes de sua classificação ou objetivos. Segue mencionando regras de encontro grupal e identifica a extensão de 1 hora e meia [90 minutos] como ideal para a duração de um encontro. Destaca ainda que o reconhe...
  • Moré, Carmen L. O. O.
    19/Dec/2013
    Este objeto inicia mostrando que existem aspectos técnicos significativos na condução das etapas da proposta de intervenção e características pessoais importantes para a coordenação de grupos. Discorre sobre a figura do coordenador de um grupo, da necessidade deste ser um grande organizador de diálogos de sentido e com habilidades pessoais de co...
  • Moré, Carmen L. O. O.
    19/Dec/2013
    O objeto começa identificando que a organização de uma proposta de intervenção grupal tem relação direta com seu planejamento, tanto em possibilidades, como em limites. Mostra então aspectos como definição de objetivos principal e específicos, definição de lugar e horário, critérios e estratégias de inclusão e números de participantes.Lembra ain...