FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Intervenção educativa sobre parasitoses intestinais em Carie, Canapi - Alagoas
As parasitoses intestinais continuam sendo grave problema de saúde pública principalmente nos países em desenvolvimento como o Brasil. Essas doenças interferem diretamente na qualidade de vida de seus portadores, sobretudo em crianças de classes sociais mais baixas, em condições sanitárias precárias, maus hábitos de higiene e em locais de aglomerações, tais como creches e escolas. Após identificação dos nós críticos presentes na área de abrangência do PSF3 Carie, Canapi, Alagoas, optou-se por desenvolver um projeto de intervenção voltado para os problemas: "Elevada incidência de doenças parasitarias" e "Maus hábitos higiênicos pessoais e ambientais". Este projeto teve como propósito tentar reduzir a incidência de parasitoses intestinais por meio de ação educativa direcionada aos pais ou responsáveis pelas crianças matriculadas na Escola Municipal Fonseca Luiz (EMFL). Trata-se de uma alternativa interessante e promissora no contexto da Atenção Primária à Saúde, na medida em que aproxima a escola do contexto social das famílias e o Programa Saúde da Família como coparticipante na realização de ações que visem à promoção e a prevenção da saúde, neste caso das parasitoses intestinais.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/5433
10/Oct/2016
  • Educação em Saúde
  • Atenção Primária à Saúde