FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Acompanhamento de pacientes hipertensos na Unidade de Saúde Selva de Moraes no município de Monte Carmelo - MG
A hipertensão arterial sistêmica é definida pela persistência dos níveis de pressão arterial sistólica maior ou igual a 140 mmHg e pressão arterial diastólica maior ou igual a 90mmHg. Para o tratamento e controle da evolução da doença é necessário o desenvolvimento de estratégias de cuidado para os hipertensos de forma que contemplem os vários elementos que envolvem o processo de adoecimento, como as transformações na vida dos indivíduos nas esferas emocional, familiar, social e econômica. O presente texto apresenta uma proposta de intervenção no processo de trabalho voltado para o atendimento a hipertensos em uma unidade de atenção básica em saúde construído a partir de um processo de discussão com a equipe de saúde, nos moldes do planejamento estratégico situacional simplificado
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/10975
25/Nov/2018
  • Enfermagem
  • Atenção primária à saúde
  • Hipertensão