FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Plano de ação: caracterização e intervenção das doenças crônicas não transmissíveis no município Rio Espera
Realiza se um estudo descritivo prospectivo com o objetivo de conhecer as caraterísticas dos pacientes adultos com Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCTN) no Município Mineiro Rio Espera, e elaborar um Plano de Ação personalizado. O proposito foi conhecer o comportamento de algumas variáveis de risco cardiovascular como Hipertensão, Diabetes, Dislipemicos, Obesos, Cardiopatas, Doenças cerebrovasculares, e Renal Crônica, entre outros, de uma mostra conformada por 3872 usuários (70 % da população maior de 15 anos). As principais caraterísticas foram: 33 % sofre destes fatores de risco (1842 usuários), com predomínio de hipertensos e dietéticos por acima de 60 anos, aposentados, sendo 63 % mulheres com diagnóstico médio de cinco anos. O diagnóstico muitas vezes apresenta associação com obesidade, níveis de lipídios altos e sedentarismo. Como dado positivo, a maior quantidade de pacientes faz acompanhamento frequente assistidos pela equipa da UBS. Há um predomínio de moradia na zona rural apresentando mais problemas sociais em comparação com os moradores da região urbana do município. A porcentagem de 32.7% dos usuários tem mal habito nutricional e 28 % são tabagistas. Grande parte dos usuários (46.5 %) fazem controle de sua doença com o uso três tipos de medicamentos e mais ingestão habitual de psicofarmacos. Para melhor acompanhar os usuários com DCNT, este estudo apresenta um plano de intervenção para reduzir o risco cardiovascular no futuro.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/11002
25/Nov/2018
  • Doenças Crônicas
  • Hipertensão
  • Diabetes mellitus
  • Obesidade
  • Atenção Primaria de Saúde