FICHA TÉCNICA DO RECURSO

PLANO DE AÇÃO: ADESÃO AO TRATAMENTO DA HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA EM UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE NO MUNICÍPIO DE BARRAS- PIAUÍ
A hipertensão arterial (HAS) é caracterizada pela presença de níveis de pressão arterial elevados, relacionando-se com alterações hormonais, metabólicas e em estágios avançados causam lesões graves em órgãos- alvo é uma das mais importantes causas de morbimortalidade e tornando-se um dos significativos fatores de risco para o desenvolvimento de doenças cardiovasculares. O grande desafio nos pacientes com HAS acontece na adesão ao tratamento farmacológico e não- farmacológico, pois essa comorbidade demanda custos financeiros altos e sociais, quando não tratada e controlada adequadamente. Diante do quadro, a realização deste plano de ação tem como objetivo aumentar a aderência e acompanhamento dos pacientes hipertensos ao tratamento, na Unidade Básica de Saúde Morada de Barras no município de Barras-Piauí. Serão realizados encontros em forma de oficinas, semanais e mensais com palestras e atividades relacionadas a hipertensão arterial e suas complicações, atividades físicas supervisionadas e plano nutricional. Diante desse plano de ação espera-se garantir aos portadores de hipertensão arterial sistêmica, prevenção, controle e tratamento adequado, oferecendo sempre acolhimento eficiente, tornando-os capazes de compreender a importância do tratamento e, em consequência, aumentar a adesão ao tratamento, prevenindo as complicações.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/18960
05/Oct/2020

  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Cardiovasculares (C14)
  • Doenças Vasculares (C14.907)

  • FENÔMENOS E PROCESSOS (G)
  • Fenômenos Fisiológicos Circulatórios e Respiratórios (G09)
  • Fenômenos Fisiológicos Cardiovasculares (G09.330)
  • Hemodinâmica (G09.330.380)
  • Pressão Sanguínea (G09.330.380.076)