FICHA TÉCNICA DO RECURSO

A relevância da puericultura para prevenção da obesidade infantil
A obesidade infantil vem aumentando em todo o mundo, tendo como consequência o crescimento do número de adultos obesos e o aumento da prevalência de doenças crônicas não transmissíveis. O Brasil passa por um período de transição epidemiológica, caracterizada por uma mudança no perfil dos problemas relacionados à saúde pública. Esta transição acompanha-se de modificações demográficas e nutricionais, com a desnutrição sendo reduzida a índices cada vez menores e a obesidade atingindo proporções epidêmicas. Os dois primeiros anos de vida são de alto impacto na diminuição das doenças crônicas não transmissíveis do adulto, como diabetes, hipertensão e obesidade, devido à programação do organismo, conferida pelo aleitamento materno. Com isso, este estudo pretende contribuir alertando que a obesidade é uma doença que precisa ser prevenida ainda na primeira infância, orientando a população que essa afecção é passível de se prevenir com uma intervenção precoce, atuando em todo o contexto familiar para uma melhor qualidade de vida e, consequentemente, uma redução do número de crianças obesas. Assim, o objetivo geral é desenvolver estratégias de educação em saúde para prevenção da obesidade infantil na Unidade de Atenção Primária em Saúde (UAPS) Bangubras, em Pacajus, Ceará. Espera-se que apesar da sobrecarga de serviço, escassez de recursos humanos e materiais, seja possível assistir as crianças obesas, orientando suas famílias e acreditando nas possibilidades de mudança deste problema de saúde pública que é a obesidade infantil.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/20092
02/Dec/2020

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Características da População (N01)
  • Saúde (N01.400)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)

  • ANTROPOLOGIA, EDUCAÇÃO, SOCIOLOGIA E FENÔMENOS SOCIAIS (I)
  • Educação (I02)
  • Educação não Profissionalizante (I02.233)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Instituições de Saúde, Recursos Humanos e Serviços (N02)
  • Serviços de Saúde (N02.421)
  • Serviços Preventivos de Saúde (N02.421.726)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Promoção da Saúde (SP2.021)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Desastres (SP8)
  • Administração de Desastres (SP8.946)
  • Educação em Desastres (SP8.946.234)

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Administração de Serviços de Saúde (N04)
  • Administração dos Cuidados ao Paciente (N04.590)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde (N05)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • VIGILÂNCIA SANITÁRIA (VS)
  • Vigilância Sanitária de Serviços de Saúde (VS3)