FICHA TÉCNICA DO RECURSO

PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PARA PREVENÇÃO DA GRAVIDEZ NA ADOLESCÊNCIA NO MUNICÍPIO DE BAIXA GRANDE DO RIBEIRO/PIAUÍ
A gravidez na adolescência constitui um tema de grande importância para realidade social brasileira, de modo que não seria diferente na cidade de Baixa Grande do Ribeiro/PI. Uma vez que este fato segue aumentando sua incidência, sobretudo em populações carentes, tornando-se um problema de saúde pública e trazendo consigo uma série de consequências psicossociais para a vida dos jovens e familiares envolvidos. O enfoque principal do tema relaciona a gravidez precoce com algo inesperado e indesejado consequência do despreparo dos adolescentes, da sua falta de perspectivas, da desinformação sexual, baixa escolaridade entre outros motivos. O presente trabalho tem por principal objetivo identificar alguns fatores que contribuem para o aumento da incidência da gravidez precoce na nossa sociedade e para tal fim, foi realizada uma revisão bibliográfica de caráter cientifico através de estudos anteriores realizados sobre o tema e artigos acadêmicos. Com isso, pretende-se compreender melhor a nova realidade existente entre os jovens e montar estratégias de cuidado e acompanhamento que ofereçam aos mesmos, uma possibilidade de escolha de um futuro melhor.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/20460
26/Jan/2021

  • FENÔMENOS E PROCESSOS (G)
  • Fenômenos Fisiológicos Reprodutivos e Urinários (G08)
  • Fenômenos Reprodutivos Fisiológicos (G08.686)
  • Reprodução (G08.686.784)
  • Gravidez (G08.686.784.769)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)
  • Saúde do Adolescente (SP2.006.037)

  • TÉCNICAS E EQUIPAMENTOS ANALÍTICOS, DIAGNÓSTICOS E TERAPÊUTICOS (E)
  • Técnicas de Pesquisa (E05)
  • Métodos Epidemiológicos (E05.318)
  • Estatística como Assunto (E05.318.740)
  • Probabilidade (E05.318.740.600)
  • Risco (E05.318.740.600.800)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde (N05)
  • Qualidade da Assistência à Saúde (N05.715)
  • Fatores Epidemiológicos (N05.715.350)
  • Causalidade (N05.715.350.200)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Qualidade, Acesso e Avaliação da Assistência à Saúde (N05)
  • Qualidade da Assistência à Saúde (N05.715)
  • Mecanismos de Avaliação da Assistência à Saúde (N05.715.360)
  • Estatística como Assunto (N05.715.360.750)
  • Probabilidade (N05.715.360.750.625)
  • Risco (N05.715.360.750.625.700)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Meio Ambiente e Saúde Pública (N06)
  • Saúde Pública (N06.850)
  • Fatores Epidemiológicos (N06.850.490)
  • Causalidade (N06.850.490.625)
  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Meio Ambiente e Saúde Pública (N06)
  • Saúde Pública (N06.850)
  • Métodos Epidemiológicos (N06.850.520)
  • Estatística como Assunto (N06.850.520.830)
  • Probabilidade (N06.850.520.830.600)
  • Risco (N06.850.520.830.600.800)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Saúde Ambiental (SP4)
  • Fenômenos Biológicos (SP4.102)
  • Fenômenos Ecológicos e Ambientais (SP4.102.072)
  • Ecotoxicologia (SP4.102.072.092)
  • Poluição Ambiental (SP4.102.072.092.693)
  • Riscos Ambientais (SP4.102.072.092.693.334)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Epidemiologia e Bioestatística (SP5)
  • Epidemiologia (SP5.001)
  • Medidas de Associação, Exposição, Risco ou Desfecho (SP5.001.037)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Desastres (SP8)
  • Risco (SP8.473)
  • Medição de Risco (SP8.473.327)