FICHA TÉCNICA DO RECURSO

QUAL A IMPORTÂNCIA DA IMUNOGLOBULINA ANTI D PARA A NÃO-SENSIBILIZAÇÃO DA GESTANTE RH NEGATIVO
Trata-se de um Trabalho de Conclusão de Curso no formato Projeto de Intervenção aplicado na perspectiva da Atenção Primária à Saúde. O estudo aborda problemas e situações relacionados à gestão e assistência, considerando-se respectivas ações de melhoria. Visão ampliada, melhor resolutividade, fortalecimento do Sistema Único de Saúde e da Estratégia de Saúde da Família são resultados esperados que motivam estudos nesse contexto.

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N )
  • Administração de Serviços de Saúde (N04 )
  • SAÚDE PÚBLICA (SP )
  • Saúde Ambiental (SP4 )
  • Ciências Sociais (SP4.127 )

  • COMPOSTOS QUÍMICOS E DROGAS (D )
  • Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas (D12 )
  • Proteínas (D12.776 )
  • Proteínas Sanguíneas (D12.776.124 )
  • Imunoproteínas (D12.776.124.486 )
  • COMPOSTOS QUÍMICOS E DROGAS (D )
  • Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas (D12 )
  • Proteínas (D12.776 )
  • Proteínas Sanguíneas (D12.776.124 )
  • Soroglobulinas (D12.776.124.790 )
  • COMPOSTOS QUÍMICOS E DROGAS (D )
  • Aminoácidos, Peptídeos e Proteínas (D12 )
  • Proteínas (D12.776 )
  • Globulinas (D12.776.377 )
  • Soroglobulinas (D12.776.377.715 )
https://ares.unasus.gov.br/acervo/static/files/Termos de uso do ARES.pdf
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/21208
24/Feb/2021