FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Segunda opinião formativa: Quando realizar a segunda dose da vacina contra Covid se a primeira dose foi em período sintomático?
Como a piora clínica pode ocorrer até duas semanas após a infecção, a vacina deve ser adiada até a recuperação clínica total. Portanto, para realizar a segunda dose da vacina, deverá considerar o período de 4 semanas após início dos sintomas, ou quatro semanas após a primeira amostra de PCR positiva em pessoas assintomáticas. As vacinas são administradas para preservar e salvar vidas, desde que seja garantida a qualidade e mantidas as boas práticas de imunização. O objetivo da vacinação contra a covid-19 é reduzir a morbimortalidade causada pelo novo coronavírus. Em geral, diante de doenças agudas febris moderadas ou graves, recomenda-se o adiamento da vacinação até a resolução do quadro com o intuito de não se atribuir à vacina, as manifestações da doença. É improvável que a vacinação de indivíduos infectados (em período de incubação) ou assintomáticos tenha um efeito prejudicial sobre a doença. Entretanto, recomenda-se o adiamento da vacinação nas pessoas com quadro sugestivo de infecção em atividade para evitar confusão com outros diagnósticos diferenciais.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/23711
08/Apr/2021
2021-03-18

  • DOENÇAS (C)
  • Infecções (C01)
  • Viroses (C01.925)
  • Infecções por Vírus de RNA (C01.925.782)
  • Infecções por Nidovirales (C01.925.782.600)
  • Infecções por Coronaviridae (C01.925.782.600.550)

  • COMPOSTOS QUÍMICOS E DROGAS (D)
  • Misturas Complexas (D20)
  • Produtos Biológicos (D20.215)
  • VIGILÂNCIA SANITÁRIA (VS)
  • Vigilância Sanitária de Produtos (VS2)
  • Controle de Medicamentos e Entorpecentes (VS2.002)
  • Preparações Farmacêuticas (VS2.002.001)
  • Produtos Biológicos (VS2.002.001.010)