FICHA TÉCNICA DO RECURSO

O uso dos antimicrobianos: uma proposta de intervenção para a ESF
Este trabalho é uma proposta de intervenção para a equipe de Saúde da Família do Turmalina I do município de Governador Valadares - Minas Gerais, sobre o uso inadequado dos antimicrobianos pela população, situação que pode gerar muitas complicações oriundas da resistência bacteriana, que podem ser letais. A conscientização da população, quanto ao uso correto e o respeito aos horários, bem como a necessidade de indicação do mesmo por um profissional especializado são fatores essenciais para diminuir a resistência bacteriana e doenças graves como endocardite, febre reumática, abscessos, sepse, algumas delas muito freqüentes nas unidades de tratamentos intensivos, gerando alto custo para o setor saúde. A metodologia utilizada foi a revisão bibliográfica narrativa, partir de periódicos indexados nas bases de dados Cientific Eletronic Library Online (SCIELO), LILACS, Manuais e Protocolos do Ministério da Saúde, Biblioteca Virtual do NESCON. O estudo mostrou que há pouca informação da população a respeito dos riscos quanto ao uso incorreto dos antibióticos e a importância de uma capacitação dos profissionais de saúde sobre o assunto, além de uma maior fiscalização dos órgãos responsáveis sobre o uso indiscriminado dos antibióticos. O trabalho tem como objetivo capacitar profissionais da equipe de saúde, bem como de organizar o processo de trabalho de maneira a orientar a população sobre a forma adequada quanto ao uso dos antimicrobianos. Busca-se, desse modo, conscientizar os usuários quanto à importância da prescrição e acompanhamento médico, sempre que necessário, evitando assim, problemas futuros para si e para a saúde de modo geral.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/5282
10/Oct/2016

  • ASSISTÊNCIA À SAÚDE (N)
  • Características da População (N01)
  • Saúde (N01.400)
  • SAÚDE PÚBLICA (SP)
  • Atenção à Saúde (SP2)
  • Saúde de Grupos Específicos (SP2.006)

  • COMPOSTOS QUÍMICOS E DROGAS (D)
  • Ações Químicas e Utilizações (D27)
  • Ações Farmacológicas (D27.505)
  • Usos Terapêuticos (D27.505.954)

  • FENÔMENOS E PROCESSOS (G)
  • Fenômenos Microbiológicos (G06)
  • FENÔMENOS E PROCESSOS (G)
  • Fenômenos Fisiológicos (G07)
  • Fenômenos Farmacológicos e Toxicológicos (G07.690)
  • Fenômenos Farmacológicos (G07.690.773)
  • Resistência a Medicamentos (G07.690.773.984)

  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Cardiovasculares (C14)
  • Cardiopatias (C14.280)

  • DOENÇAS (C)
  • Infecções (C01)
  • Infecções Bacterianas e Micoses (C01.150)
  • Infecções Bacterianas (C01.150.252)
  • Infecções por Bactérias Gram-Positivas (C01.150.252.410)
  • Infecções Estreptocócicas (C01.150.252.410.890)
  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Musculoesqueléticas (C05)
  • Artropatias (C05.550)
  • Artrite (C05.550.114)
  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Musculoesqueléticas (C05)
  • Doenças Reumáticas (C05.799)