FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Plano de intervenção para redução do excesso de peso e controle dos níveis pressóricos em indivíduos hipertensos
A Hipertensão Arterial Sistêmica caracteriza-se pela elevação crônica da pressão arterial e atualmente é um grave problema de saúde pública, atingindo a população em âmbito mundial. É a morbidade de maior prevalência na área de abrangência da Estratégia Saúde da Família Maria Conceição Ferreira e no município de Patrocínio do Muriaé-MG. Este trabalho se justifica pelo alto índice de hipertensão arterial sistêmica associado ao excesso de peso, da relevância epidemiológica e das repercussões clínicas, aspectos esses que motivaram o desenvolvimento deste projeto de intervenção. Foram elaborados programas de emagrecimento, com estímulo à prática de atividade física e a mudança dos hábitos alimentares e organizadas palestras educativas pela equipe, esclarecendo que a hipertensão arterial sistêmica e o excesso de peso estão intimamente relacionados. A revisão bibliográfica foi realizada nas bases de dados da literatura Latino Americana e do Caribe em Ciências da Saúde - LILACS e Scientific Eletronic Library Online - SCIELO, com o objetivo de aumentar o conhecimento e a compreensão sobre o tema. Acreditando no potencial da atenção primária à saúde, foi utilizado também a metodologia do Planejamento Estratégico Situacional, com a finalidade de ajudar a equipe a melhorar o seu desempenho junto aos usuários. Com o desenvolvimento deste projeto esperam-se melhorias no estilo de vida destes indivíduos, com a sensibilização para a importância da pratica de atividades físicas e hábitos alimentares adequados, pois o controle do peso constitui uma medida importante para a redução dos níveis pressóricos, e, consequentemente, para a promoção da saúde e a prevenção de outras doenças
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/8338
07/Apr/2017
  • Hipertensão
  • Obesidade
  • Estratégia Saúde da Família
  • Educação em Saúde