FICHA TÉCNICA DO RECURSO

Hipertensão arterial: plano de ação para melhor adesão ao tratamento na área do PSF Jaci em Candeias/MG
As doenças cardiovasculares são a principal causa de mortalidade no Brasil e a hipertensão arterial está entre os seus principais fatores de risco. A não-adesão ao tratamento da hipertensão arterial é um dos mais importantes problemas enfrentados pelos profissionais que atuam na atenção primária. O desenvolvimento de ações e estratégias para a implementação de medidas preventivas e de promoção à saúde, controle da hipertensão arterial e suas complicações são diretrizes previstas no curso Estratégia em Saúde da Família. Este trabalho teve como objetivo elaborar um plano de ação para enfrentamento de um problema: o acompanhamento deficiente aos indivíduos que possuem hipertensão arterial sistêmica na área do PSF Jaci em Candeias- MG. Para o embasamento científico, foi realizada uma revisão da literatura nas bases de dados LILACS e SciELO, além de programas do Ministério da Saúde, tendo como critério de inclusão os artigos em português e publicados entre os anos de 1998 e 2014. O plano de ação foi elaborado a partir do diagnóstico situacional e do método do Planejamento Estratégico Situacional. Busca-se vincular as pessoas desses agravos às unidades de saúde, garantindo-lhes acompanhamento e tratamento sistemático mediante ações de capacitações dos profissionais e reorganização dos serviços. O estudo mostrou que o acolhimento é o primeiro contato do paciente com a equipe de saúde, exercendo um fator crucial para o fortalecimento do vínculo, adesão ao tratamento, podendo garantir o controle efetivo da hipertensão.
https://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/9515
29/Aug/2017

  • DOENÇAS (C)
  • Doenças Cardiovasculares (C14)
  • Doenças Vasculares (C14.907)